Família faz 'vaquinha virtual' para comprar medicamento de R$ 13 mil a jovem com câncer raro, em MS

Arthur Rubino dos Santos, de 23 anos, foi diagnosticado com câncer raro e precisa de remédio que não é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Por Maressa Mendonça, g1 MS 25/11/2021 - 07:48 hs

Família faz 'vaquinha virtual' para comprar medicamento de R$ 13 mil a jovem com câncer raro, em MS
Foto: Reprodução

A vaquinha virtual é a esperança da família de Arthur Rubino dos Santos, de 23 anos, de garantir o medicamento que o servente de pedreiro precisa para o tratamento contra o câncer. O remédio custa R$ 13 mil e não é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Enquanto aguardam uma resposta da Justiça, os parentes contam com a solidariedade de amigos e até de desconhecidos.

“A situação está muito difícil. Então nesse momento toda ajuda é bem-vinda”, declarou a mulher de Rubino, a dona de casa Débora Aparecida dos Santos, de 24 anos. Ela conta que o casal tem dois filhos pequenos e ainda mora de aluguel.

Débora conta que a indicação do medicamento Votrient 400 mg foi feita pelo médico no último dia 17 e como a família não tem condições financeiras de comprá-lo, a vaquinha virtual se mostrou uma opção.

Eles também acionaram a Defensoria Pública na tentativa de fazer com que o Estado ou o município forneçam o medicamento, mas como se trata de um caso urgente é difícil aguardar a resposta que pode demorar até um mês. “Estamos precisando muito. Ele já está em casa, mas precisa desse remédio”, completa Débora.

O diagnóstico

Arthur recebeu o diagnóstico de câncer no rim em outubro deste ano. Ele foi submetido a uma Nefrectomia (retirada do órgão), mas a doença se espalhou atingindo a medula e causando lesões nos ossos.

Conforme a doença avançou e as dores se tornaram ainda mais frequentes, ele perdeu a força dos músculos da perna e passou por nova cirurgia. O tratamento com o medicamento de alto custo é essencial para aumentar a perspectiva de vida do jovem, conforme apontam os laudos médicos.

Na receita, o profissional que atendeu o servente de pedreiro informa não existir nenhum substituto para o medicamento e reforça que ele é essencial para o avanço do tratamento.

Relatório médico do Hospital do Câncer. — Foto: Reprodução

Auxílio

Os interessados em ajudar a família podem acessar o link da vaquinha online aqui.