Prefeitura de Bataguassu inicia construção da nova sede da Escola Municipal “Marechal Rondon”

Por Assecom Prefeitura de Bataguassu 22/11/2019 - 18:27 hs
Foto: Assecom Prefeitura de Bataguassu

A área da educação em Bataguassu está ganhando mais investimentos da atual administração. A nova sede da Escola Municipal “Marechal Rondon”, em breve, começará a ser construída.

Com recursos próprios na ordem de R$ 5.833.744,02, a obra já foi licitada e está na etapa de organização do terreno que fica localizado no bairro Jardim América (rua Zulmira dos Anjos Costa esquina com a rua Onofra Machado de Souza).

A escola terá área construída de 4.977, 75 m² compreendidos por 20 salas de aula para alunos do ensino fundamental; 8 salas de aula para educação infantil; portaria, brinquedoteca, playground, pátio coberto, refeitório e cozinha; quadra poliesportiva com arquibancada, laboratório e biblioteca digital; além de banheiros dotados com dispositivos de acessibilidade para servidores e alunos. 

O bloco da secretaria da escola, por sua vez, contará com hall de entrada, recepção, secretaria, arquivo, copa, sala dos professores, sala para coordenadores de ensino fundamental; sala para coordenadores de educação infantil, diretoria e banheiros acessíveis.

A previsão é que a nova sede seja concluída em 10 meses.

Unidade escolar municipal que atende o maior número de estudantes (atualmente são 1.236 alunos matriculados entre períodos da manhã e tarde), a Escola Municipal “Marechal Rondon” foi criada em 11 de fevereiro de 1967 e possui 52 anos. 

A secretária municipal de Educação e Cultura, Regina Duarte de Barros Dovale explica que a construção de um novo prédio para a escola se fez necessário para ampliar o atendimento de alunos com a construção de mais salas de aula além de oferecer uma melhor estrutura para o atendimento dos alunos.

"Teremos a oportunidade de atender melhor nossos estudantes, oferecendo salas maiores para melhor acomodação, com melhor iluminação, ventilação", comenta a secretária, que frisa que a nova sede contará com mais 8 salas de aulas que poderão atender mais 16 turmas.

Regina lembra que a nova escola terá blocos separados para os alunos de educação infantil e ensino fundamental e que concentrará as salas de educação infantil (extensão) que funcionam atualmente na Escola Estadual "Luiz Alberto Abraham" devido a falta de estrutura física. "A nova sede contará com amplo espaço, área específica para coordenação pedagógica em atendimento aos profissionais da educação infantil e ensino fundamental além de área externa para realização de atividades físicas e recreativas". 

O prefeito Pedro Arlei Caravina (PSDB), que esteve no local onde a escola será construída essa semana lembra que a partir de 2021, o município terá que assumir novas turmas de ensino infantil e que a atual sede da escola não comportaria mais alunos. "É uma questão de comodidade, modernidade e mais qualidade para atender os alunos", comenta.

O gestor destaca que a atual administração não tem medido esforços para oferecer uma educação de excelência no município. "Nesses últimos anos, investimos não só em estruturação física das unidades educacionais, mas aprimoramos a parte pedagógica, oferecemos qualificação profissional, entregamos kits escolares para professores e alunos além de uniformes. O objetivo é sempre oferecer benefícios a nossa população”.

Perguntado a respeito da escola de tempo integral, Caravina salienta que a princípio não se tem intenção de implantar o sistema, mas que a nova estrutura comportaria sim uma escola de tempo integral. "Abre-se uma possibilidade com a nova escola".

Ele disse ainda que existe a possibilidade da antiga sede da Rondon (rua Odorilho Ferreira) ser repassada à Cia de Polícia Militar, o que ainda está em fase de estudos. 

CRECHE

Além da nova Escola Municipal “Marechal Rondon”, está em andamento a construção de um Centro de Educação Infantil (CEI) localizado no bairro Jardim Santa Luzia.

A unidade deve atender em torno de 188 crianças com faixa etária de zero a quatro anos.

O investimento é na ordem de R$ 2.594.873,34 em recursos próprios.

A previsão é que a obra seja concluída em 2020.

Por Assecom Prefeitura de Bataguassu